Tem alguma coisa rolando: HQ de Carnaval

O Zé Oliboni, meu parceiro dessas HQs que tem saído no Diletante Profissional, me pediu pela segunda vez uma história ligada a uma data (fizemos uma de natal, ainda vou postar aqui). Óbvio que era de Carnaval. Vai ela aqui e lá embaixo eu falo como um cara que odeia carnaval fez essa HQ:

carnavalfinal

***

Minha ideia um era fazer algo na linha Harvey Pekar. Uma grade fixa de 6 ou 9 quadros com um cara reclamando do Carnaval. Quando parti pra execução da coisa, me pareceu mais interessante que fossem pessoas diferentes e isso reencaminhou o roteiro, porque também pensei que é coisa de babaca falar mal de um negócio que tanta gente gosta. Resolvi ir atrás de um equilíbrio e sair da reclamação simples, até me acusando de leve.

Porém, aqui entra a vantagem de se trabalhar com amigos: o Zé levantou a questão de que a ideia das máscaras é bem batida. Só pude me envergonhar e bater na testa. Ele também falou no esquema de fazer um quadro por linha e contrapropus dois e deu certo. Oha aí o roteiro, que com exceção do texto que mudou TOTALMENTE, é o que foi usado.

PÁGINA 1 –  6 painéis

QUADRO 1: um homem magro, branco, braços cruzados, atrás dele fundo preto, olha pro  leitor e fala: EU NÃO GOSTO DE CARNAVAL. MESMO.
QUADRO 2: uma mulher de cabelo preso, olha pro leitor, com os dedos pra cima, ironizando: DETESTO ESSE PAPO DE FOILIA, A ALEGRIA DO BRASILEIRO.
QUADRO 3: um senhorzinho, velho, mãos pra trás, olha pro leitor: NÃO VOU DIZER QUE NÃO GOSTO DO FERIADÃO.
QUADRO 4: uma criança japonesa, coçando o braço, olha pro leitor: MAS VOCÊ É OBRIGADO A GOSTAR DE CARNAVAL PORQUE TÁ NO BRASIL.
QUADRO 5: uma mulher negra com as mãos no bolso da calça, olha pro leitor: TENHO  TANTA VERGONHA DO CARNAVAL, QUE ENTENDO AS MÁSCARAS.
QUADRO 6: uma adolescente, bem punkzinha 15 anos, olha pro leitor: TAMBÉM IA QUERER SUMIR E NUNCA SER ENCONTRADA SE TIVESSE QUE IR NO CARNAVAL.

PÁGINA 2 – 5 painéis, o último mais largo

QUADRO 1: um homem gordo, de bigode, com mão no peito, olha pro leitor: PRA QUEM ODEIA CARNAVAL, UMA MÁSCARA É UMA BOA.
QUADRO 2: mulher de cabelo curto, estilo estilista, gesticula com um guarda-chuva na mão e olha pro leitor: VOCÊ PODE CONFERIR AQUELA PORCARIA DE PERTO.
QUADRO 3: mulher fantasiada de colombina joga confetes e olha pro leitor: DÁ ATÉ PRA FINGIR QUE FAZ PARTE DAQUELA MASSA SEM NOÇÃO.
QUADRO 4: um magrão cabeludo, camiseta de banda de metal, mexe no celular enquanto fala, com serpentinas enroladas nele: DE REPENTE, ATÉ VOCÊ VAI ACHAR QUE GOSTA
QUADRO 5: mesmo homem do quadro 1 da página 1, o fundo atrás dele agora é claro e estão os rostos de quem apareceu na história: O PIOR É QUE DEPOIS DA QUARTA-
FEIRA DE CINZAS VOCÊ AINDA USA UMA MÁSCARA POR DIA.

No fim, consegui falar melhor (eu acho) o que eu queria sem azucrinar a festa de ninguém e sem parecer um imaturo reclamão.

1 Comentário

Filed under É meu, HQs

One response to “Tem alguma coisa rolando: HQ de Carnaval

  1. Pingback: Tem alguma coisa rolando: HQ Feliz natal | Lugar Certo

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s