Rituais

Media_http4bpblogspot_hhpbs

antropologicamente falando, os rituais (devem ser) são outro tipo de coisa.

lielsonicamente falando, ritual já foi ler As flores do mal todo ano.

já tive como ritual também sempre ouvir o Ok Computer em viagem.

(minha mente perturbada acredita que é melhor estar ouvindo algo que eu ame de verdade se um acidente rodoviário/aéreo acontecer e não puder ouvir mais nada).

já andei com caderninho de ideias no bolso (na verdade, isso é mais uma esquisitice – que mantenho) e com mini Aurélio na mochila.

hoje, tenho dois rituais: um é não sair de casa sem algo pra ler ou sem fones pra ouvir, quando não, ambos; o outro é ouvir Velvet Underground enquanto me barbeio.

Media_httpsasguidespo_varjk

por que Velvet? por que no barbear?

não sei.

Sigur Rós até foi legal, Caléxico rendeu, Beta Band chegou perto, mas o meu Barbeiro de Sevilha se apresenta com outras notas.

 

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s