Monthly Archives: Dezembro 2010

Fechando o mês

Todo mês, no último dia, entra no blogue do Universo HQ a lista de melhores e piores quadrinhos que cada um de nós leu.

Cada um tem seu critério, mas eu listo 4 ou 5 bons e escolho pelo menos 1 entre as leituras pra ser o pior.

Isso pode levar a existir um pior do mês que é até meio bom. mas não é o caso deste mês. Olha a lista aqui.

E aqui vai a lista do que tudo que eu li de HQ em dezembro:

Media_http4bpblogspot_arafz

Red – aposentados e perigosos

Trama de ação funcional e ligeira, muito ligeira. as cenas de ação são muito bem feitas.

Media_httpwwwosarmeni_dfegx

Fábulas 6 – Terras Natais

Aventura, inimigos poderosos e itens mágicos. Veja a resenha que fiz de uma das melhores séries publicadas no Brasil atualmente.

Media_httpwwwcomixcom_gojme

Vingadores 82

Essa revista continua Ok. Capitas meio preguiçoso e Vingadores interessante. eis a resenha.

Media_httpwwwrevistao_tznga

DC: A nova fronteira

Ah, se as histórias de super-heróis fossem tão bacanas quanto estas.

Media_httpwwwuniverso_gtsmc

100 Balas – Contrabandolero!

Ótima série policial, com execelentes saídas de roteiro e aula de narrativa visual.

Media_httpcomixcombrb_beanu

Preacher – Salvação

Diálogos fodas, cenas fodas, trama foda. Sou entusiasta dessa série. compre aqui.

Media_http3bpblogspot_yhgse

Promessas de amor a desconhecidos enquanto espero o fim do mundo

O trabalho independente de Pedro Franz é batutíssimo. Conheça ele aqui e leia a resenha aqui.

Media_httpwwwcomixcom_jhqof

J. Kendall – Aventuras de uma criminóloga 72

A melhor revista de banca do Brasil. Lições valiosos de narrativa a cada edição. Resenha.

Media_httpwwwcomixcom_cihzb

Media_httpwwwligahqco_ejcsf

Vertigo 11 e 12

A segunda melhor revista de banca do Brasil. Resenhas aqui e aqui.

Media_httpwwwcomixcom_uyhjc

Loveless – Terra sem lei – Mais denso que sangue

Western + ultraviolência + bons roteiros = Loveless. olha a resenha.

Media_httpwwwomeletec_idehe

Peixe peludo

Um fluxo de consciência de um peixe trompetista caminhando pelas ruas de São Paulo. Vale a leitura.

Media_httpwwwblablais_amcri

Hellblazer – Cinzas e pó na cidade dos anjos

Final das andanças de John Constantine pelos EUA. Resenha por mês que vêm!

Media_httpis8combrima_oibwc

Mágico Vento 15

Um épico de western com sobrenatural. dê uma chance e quando ver já estará comprando todo mês.

Media_httpwwwuniverso_wgerd

Bando de dois

História de dois cangaceiros em busca de vingança. trocentas referências visuais a filmes de western. Compre aqui.

Media_httpwwwuniverso_fgmwe

Cicatrizes

Leia um dos 3 melhores quadrinhos do ano. simples assim.

Media_httpwwwguiadosq_eaavo

We 3

3 animais transformados em robôs. O que soa como imbecil, é um espetáculo de cenas de ação, com bom roteiro.

Media_httpwwwligahqco_xbqdo

Wolverine 72

Horrenda. Se eu tiver estômago pra isso, resenharei.

Media_http4bpblogspot_fdrgc

Nós

O melhor trabalho do brasileiro Mario Cau até aqui.

Media_httpwwwsebodome_gwjof

Conflito do Vietnã 5 e 12

Triste. Uma série que tenta não ser americanoide, mas não consegue. Tem seus méritos, apesar disso.

Media_httpimageswikia_uizvu

Spawn 10

Talvez, o pior trabalho de Frak Miller como roteirista. Tudo no lugar errado. O tempo todo.

OBS – tá tudo certo. a capa é da 11 americana, mas equivale à edição 10 brasileira.

Media_http3bpblogspot_juodb

Spawn 36

Roteiro de Alan Moore numa história que tem seu Q de Dr.Caligari.

Media_httpnerdevilsfi_wrnpb

Os beats

Como uso de linguagem da HQ, fraca. Como informação sobre a geração beat, muito boa. vale a leitura.

Media_httpwwwuniverso_qfzgf

 

Media_httpwwwuniverso_ohsoj

Jonah Hex – Marcado pela Violência e Armas da Vingança

O caubói mais feio das HQs de volta em encadernados. o/

Media_httpis8combrima_kpurf

Authority – Sem perdão

Os dois primeiros arcos do grupo mais fodão de heróis. Testosterona além dos limites aceitáveis. divirta-se.

4 comentários

Filed under Uncategorized

Estreia em Curitba

Media_httpfarm2static_cspsg

Hoje, o camarada Aristeu Araújo estreia em Curitiba o seu filme que foi selecionado para o festival de Brasília: Naquela noite ele sonhou com o mar azul. Cinemateca, 20 agá. apareeeeeeeeça!

eu li o roteiro antes de filmar e ainda não vi o curta pronto.

 

 

Deixe um comentário

Filed under Uncategorized

A lista deve continuar

Apesar da demora, vai aqui a segunda parte (de muitas outras partes) da lista com indicações de álbuns de histórias em quadrinhos. As três primeiras indicações e as regras de escolha estão na primeira postagem.

Tenho pensado bastante e até dançado o doido pra criar uma lista menos “clichê”.

 

Mas já estou achando que tanta insistência ao redor de algumas obras deve ser por culpa da qualidade que as desgraçadas têm. A elas:

 

RETALHOS (Quadrinhos na Cia.)

Media_httpwwwrevistao_najca

Craig Thompson criou uma história de um amor adolescente, enquanto o próprio Craig (sim, o Thompson, é autobiográfico) amadurece e desenvolve sua personalidade, colocando novas perspectivas na relação que tem com os pais e com o irmão. Se existe uma palavra pra definir Retalhos é delicadeza. É tudo bonito nesse gibi. É difícil explicar. leia e não discuta, que é mais fácil. Resenha aqui.

Indicado com força para: quem curte autobiografias de artistas em formação; quem gosta de desenvolvimento da linguagem das HQs; quem acha que o mundo precisa cada vez de mais força delicada.

Veja o autor falando abaixo:

BOB & HARV – DOIS ANTI-HERÓIS AMERICANOS (Conrad)

Media_http2bpblogspot_dcpnu

O Bob é Robert Crumb, referência underground obrigatória a quem se interessa pelo… underground. Harv é Harvey Pekar, que trouxe o tema da vida de um americano fudido pras histórias em quadrinhos norte-americanas (no caso, ele mesmo). O nome esquisito do álbum é por conta do filme sobre o Pekar intitulado no Brasil de Um anti-herói americano. Esse álbum coleta todas as histórias escritas por Pekar e desenhadas por Crumb. PRA MIM, um dos maiores crimes das edições nacionais é a ausência de mais material do Pekar no Brasil, já o Crumb teve bastante coisa publicada. Leia mais sobre a obra e compre aqui.

Indicado com força para: quem acha graça no mau humor; quem gosta de histórias alternativas; quem tem certeza que quadrinhos não são coisa de crianças.

Aqui, um pouco de Pekar, quebrando pau com o David Letterman (magine se ele fosse no Jô):

e aqui o Crumb:

PERSÉPOLIS COMPLETO (Quadrinhos na Cia.)

Media_httpstaticinfoe_uebzf

O trabalho que fez o mundo conhecer a iraniana Marjane Satrapi. A quadrinista viveu durante a infância e adolescência a transição de governos no Irã, mudando radicalmente o cotidiano dos cidadãos. existe dois tipos de publicação desta obra de Satrapi no Brasil, ou quatro volumes ou a edição completa. Uma narrativa pessoal, forte e muito bem estruturada, Persépolis é uma peça de arte com um quinhão de informação pouco conhecida por nós deste lado aqui do planeta. Resenha, leia. Compras, aqui.

Indicado com força para: quem gosta de histórias de superação; quem gosta de narrativas do artista quando jovem; quem quer conhecer um pouco melhor a tradição persa.

O quadrinho virou uma animação muito boa (mas uma coisa não exclui a outra, leia e assista):

A lista segue ainda…

 

2 comentários

Filed under Uncategorized